Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Equipa

O blog da equipa que mantém o SAPO Blogs. Deixe a sua dúvida ou sugestão nos comentários de qualquer post.

A Equipa

O blog da equipa que mantém o SAPO Blogs. Deixe a sua dúvida ou sugestão nos comentários de qualquer post.

Como eu blogo: Alexandra (Mais mulheres por favor)

masmulheres.jpg

Quisemos ficar a conhecer um pouco melhor a Alexandra, autora do Mais mulheres por favor, o blog onde partilha as suas leituras no feminino.

 

Se só pudesse destacar um post seu, qual seria?

Destacar um post nesta fase do blog é uma tarefa complicada. O Mais Mulheres Por Favor foi criado há poucos meses e há um universo imenso por explorar e partilhar, um universo que ainda estou a descobrir. Ainda assim, tenho um carinho especial pela opinião que escrevi sobre Um Quarto Só Para Si, de Virginia Woolf, livro que foi determinante para decidir, finalmente, iniciar este projecto (esteve muito tempo apenas num caderno).

Pode mostrar-nos, numa fotografia, o seu ambiente de trabalho (físico ou virtual)?

mais.JPG

Este nem sempre é o meu ambiente de trabalho já que tenho uma grande tendência para pegar no computador e levá-lo para outras zonas do quarto/sala, como a poltrona, o sofá ou a cama. Sempre que escrevo sobre um livro tenho de o ter ao lado para ir revendo as minhas anotações, se for outro o assunto, não preciso de mais nada para além do computador.

Um blog ou site que aprecie consultar todos os dias.

Nem sempre consigo visitar os meus blogs favoritos todos os dias, mas o meu preferido, que tento acompanhar com a máxima regularidade, é Em Linha Recta, da Cristina Nobre Soares. Sou completamente apaixonada pela sua escrita e pelo conteúdo que produz, pela forma como descreve certos aspectos da vida, como se não fizesse qualquer esforço para colocar por escrito as palavras que tantas vezes (todos nós) temos na mente, como se as palavras apenas lhe nascessem dos dedos. Adorava ler um livro seu, que, ao que parece, "anda para ser terminado há uma eternidade".

Para passar o tempo, ao ler os posts de outros autores, qual é a sua tag favorita?

Livros, sem dúvida. Sou completamente viciada em ler opiniões sobre livros (quer já os tenha lido ou não) e é à custa da leitura deste tipo de posts que as minhas listas de "livros a comprar num futuro próximo" e "livros por ler que já moram cá em casa" começam a ultrapassar os limites do razoável. Há tantos livros por ler, mas, enquanto tentamos dar conta deles, estão constantemente a ser editados novos livros de autores dos quais já conhecemos algumas obras e queremos ler mais, que não conhecemos obra nenhuma mas queremos ler muito, de autores que nem sabíamos que queríamos ler mas cuja sinopse nos deixa loucos. Ler sobre livros reaviva-me diariamente esta paixão, um tanto descontrolada.

Um post que está sempre a adiar para amanhã.

Está em falta um post sobre Quem é Bárbara Virgínia?, de Luísa Sequeira. Trata-se de um documentário que fui ver no Doclisboa'17, no final do mês de Outubro, sobre a primeira mulher em Portugal a realizar um filme, na década de 40. É uma mulher que raramente é falada, quer em Portugal, quer na história do cinema em geral (na época, foi a realizadora mais jovem do mundo!) e que teve uma importância enorme se pensarmos na época em que viveu e na forma como se evidenciou, lutando contra uma sociedade de mente totalmente fechada e sem apreço pelo trabalho feito pelas mulheres. O primeiro filme que realizou, Três Dias Sem Deus, foi um grande sucesso, tendo sido nomeado para a primeira edição do Festival Internacional de Cinema de Cannes. Infelizmente, este e outros factos associados a Bárbara Virgínia passam despercebidos a tanta gente, algo que é um autêntico abre-olhos para aquilo que ainda há por fazer no que diz respeito à divulgação do papel das mulheres na cultura. Este documentário tem uma força incrível, inspirou e emocionou-me muito, tenho mesmo de falar sobre ele!

 

Obrigado, Alexandra!

1 comentário

Comentar post

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.