Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Equipa

O blog da equipa que mantém o SAPO Blogs. Deixe a sua dúvida ou sugestão nos comentários de qualquer post.

A Equipa

O blog da equipa que mantém o SAPO Blogs. Deixe a sua dúvida ou sugestão nos comentários de qualquer post.

Meet the blogger: Sara (Desabafos Agridoces)

sara.jpg

As nossas cinco perguntas desta semana foram para a Sara, autora do Desabafos Agridoces desde 2010.

 

O que a levou a criar um blog?

A história da criação do Desabafos é a mais curta de sempre: era Verão e eu estava a morrer de tédio. Vai daí decidi abrir um blog para me queixar disso mesmo…E para dar opiniões sérias e profundas sobre cenas. Também tive aqui no Sapo um blog antes deste, mas era colectivo e sobre apenas um tema por isso achei que seria giro ter um espaço gerido só por mim. Do género, vamos lá ver no que isto dá…
 
O Desabafos Agridoces está quase a fazer 5 anos. É muito diferente blogar hoje?

Acho que por um lado me tornei mais consciente e por outro mais descontraída desde essa altura…Parece uma contradição mas eu explico: quando comecei o Desabafos não fazia quase ideia do que era todo este universo, seguia muito poucos blogs…É fácil abrir um espaço e começar a escrever: achava que ninguém iria ler aquilo. Com o tempo fui ganhando filtros em relação ao que escrevo. Às vezes não dá para publicar a minha primeira ideia, nem a segunda nem a terceira…Não é como ter um diário fechado na gaveta: é um espaço que pode ser visitado por toda a gente. No início não pensava tanto nestas questões, sobre que assuntos devem ficar na gaveta e que assuntos devem ir para o blog, devo colocá-lo privado ou não…Por outro lado, vai haver sempre pessoas no meio dessas que chegam ao blog que não vão gostar – não concordam, não gostam dos textos, acham que somos isto e aquilo…Não há nada a fazer e com o tempo também se passa a aceitar isso com mais naturalidade. Era comum também no início pensar: será que isto vai agradar? Se calhar devia escrever sobre o tema do momento…Definitivamente a minha perspectiva sobre algumas coisas mudou desde então. Claro que vai sempre haver textos que não ficam tão bons ou que deixam de fazer sentido passado um tempo – nunca somos os mesmos de ontem nem seremos os mesmos amanhã.
 
 
Uma grande componente do blog são as suas leituras. Sempre teve grandes hábitos de leitura?

Sempre gostei de livros, ou seja, não houve um momento em que não gostasse e depois tivesse passado a gostar por qualquer motivo…Nenhuma linha divisória. Quando era bebé, costumam contar-me, entretinha-me muito a folhear coisas. Devia haver qualquer coisa que me atraía nisso, embora objectivamente não possa dizer o quê. Mais tarde comecei a perseguir a minha mãe para que me lesse histórias e depois avancei para os livros de aventuras e juvenis, depois os romances e os clássicos…Fui fazendo a minhas próprias descobertas. Adoro as histórias, com tudo o que elas proporcionam, e adoro as capas, o cheiro das folhas, colocá-los estante – todas essas coisinhas ridículas. Mas não considero que seja muita culta nem nada que se pareça. Gosto de ler o que me apetece, quando me apetece.
 
 
Qual é o post mais comentado no blog? E qual gostaria que tivesse recebido mais feedback?

O post mais comentado foi um chamado Esse Tabu sobre o facto de algumas mulheres optarem por não terem filhos e o julgamento negativo da sociedade em relação a essa escolha…Apesar de ser um tema algo polémico o feedback foi muito positivo. Foi com grande prazer que li os vários testemunhos deixados ali por mães e não mães. Também é para isto que servem os blogs: para trocar ideias e para aprendermos uns com os outros, expandido as nossas formas de pensar. Gosto sempre de receber feedback do que escrevo porque isso significa que houve alguém achou que valia a pena gastar algum do seu tempo com o meu cantinho…Mesmo que sejam poucas pessoas.

Pode recomendar-nos outro blog no SAPO?

Eu tento, mas o meu tento não consegue da Golimix, querida seguidora, e também:  a Magda, a Nathy, o Tiagoa Mulher que ama livros – tudo gente com blogs porreiros.

 

Obrigado Sara!

19 comentários

Comentar post

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.