Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Equipa

O blog da equipa do SAPO Blogs. Um espaço para falar de blogs, esclarecer dúvidas e partilhar boas ideias.

7 comentários

  • Imagem de perfil

    jonasnuts

    07.09.11

    Bom dia.

    Vamos ver se percebi bem. Os Blogs do SAPO geram um ficheiro de exportação que está de acordo com o standard (por sinal, o mesmo formato de ficheiro que é gerado por quem usa Wordpress). O Blogspot não aceita esse ficheiro (que, como refiro, não é específico dos Blogs do SAPO, mas sim transversal e usados por muitas plataformas de alojamento de Blogs).

    Como o Blogspot não aceita esse ficheiro, na sua perspectiva, os Blogs do SAPO têm de resolver o assunto?

    Percebi bem?
  • Imagem de perfil

    kumkaneco

    08.09.11


    Sim.

    Se foi criada uma ferramenta de exportação pela Sapo e não funciona ou não é aceite como válida por um dos principais hosts de blogs do mundo, é claro que sim.

    Senão, para quê criar essa ferramenta?!
    Foi a Sapo que teve, e a meu ver muito bem, a ideia, a iniciativa de a criar. Terá então de se certificar que esta obedece aos padrões (não de todos obviamente) de pelo menos das principais empresas de alojamento de blogs. Não está de acordo comigo?

    Cpts 
  • Imagem de perfil

    jonasnuts

    08.09.11

    Acho que é uma atitude que tem de funcionar nos dois sentidos, isto é, ambas as plataformas (SAPO e Blogspot) têm de usar standards. O SAPO usa o xml, e mais standard que isto, não há. O Blogspot usa outro formato (não sei se é standard, sequer). Não compreendo que a responsabilidade de resolução deste problema recaia exclusivamente sobre o SAPO.

    Mas, presumo que a equipa dos Blogs vá aprofundar esta questão, e resolvê-la, apesar de ter muito pouco a ver com os formatos utilizados pela concorrência.

    Seja como for, é sempre bom debater estas questões :)
  • Imagem de perfil

    kumkaneco

    09.09.11

    Sim, concordo consigo. Sou sempre a favor do debate e essa atitude que referiu é em todos os momentos a mais positiva de todas que devemos ter.


    Peço por isso desde já desculpa pelo meu desabafo inicial que deu origem a esta discussão mas a razão dessa minha frustração como bem a classificou o Pedro, deveu-se (e não o querendo contradizer naquilo que afirmou) ao seguinte motivo:


    A Blogger exporta criando um ficheiro xml, tal como a Sapo. Óptimo.


    Mas depois para importar um blog da blogspot para o Sapo, (e se for verificar vai ver que é assim que funciona porque eu experimentei - fiz o teste), quando estamos a importar um blog da blogspot para o Sapo, nem sequer é necessário utilizar esse tal ficheiro em formato xml porque a própria Google (que como sabe é a detentora da blogspot), ao ter a ideia de criar a possibilidade de exportação de um blog da sua plataforma para outra, criou também uma ferramenta que neste caso, a própria Sapo usa para facilitar essa mesma importação. Isto do meu ponto de vista, é fascinante e pode ser um abre-olhos para muita gente e perceber porque é que a Google é o gigante que é.


    Ou seja, a Google ao pensar na exportação, e estamos portanto a falar de uma "fuga" de um blog da sua própria plataforma para outra, criou uma solução fiável para tal; uma ferramenta que até facilita a vida aos programadores das outras plataformas porque a Google sabe que assim, também facilita a vida às pessoas, para que este seja exportado com êxito. Eles sabem que isto, os blogs e isto tudo que está aqui e que rodeia os blogues e tudo o resto... são pessoas. E as pessoas têm opinião e são elas que fazem as plataformas e o respectivo negócio que lhe está subjacente.
    E não foi preciso nenhuma reunião nem nenhuma aproximação entre as duas entidades para que isto fosse possível.


    Vivemos num mundo em que virtualmente só somos livres se estivermos colocados em plataformas (seja em que aplicativo for) que nos ofereçam compatibilidade total e integração global a tudo e a todos, sem qualquer medo ou receio. Podemos e devemos ser livres de fazer as trocas que quisermos. A Google sabe disso e portanto fá-lo e a Sapo, até sai beneficiada disso neste caso concreto das importações. 


    Mas é claro que a longo prazo, e se me perguntarem, acho que acaba por perder. Por que isto, volto a repetir, são pessoas. A preocupação que deve existir desde o momento em que se pensa o produto, se desenvolve e quando se põe à disposição de todos é de saber se funciona para as pessoas que o vão usar, se responde àquilo e aqueles para os quais foi criado e se é compatível com os principais operadores no ambiente em que se vai inserir. E se não for compatível, criar ferramentas para que o seja, tal como a Google o fez. Não se cria uma ferramenta de exportação só pra dizer que pronto ok, até temos isso, somos uns tipos porreiros; tomem lá um xml e agora amanhem-se. Se deu, muito bem, se não deu paciência!


    E assim chegamos a uma das razões do porquê de eu querer migrar para outra plataforma. É também precisamente por isto.
    Lamentavelmente a Sapo, para já, ainda não trilha este caminho que referi, no entanto está sempre a tempo de o fazer.


    Obrigado e para quem teve a paciência de o ler, desculpem lá o testamento...


    Cpts
  • Imagem de perfil

    jonasnuts

    09.09.11

    O SAPO sempre trilhou o caminho de ouvir o que os utilizadores têm para dizer, e a prova disso (caso fosse necessário) é este debate :)
    Tenho a certeza absoluta que no Blog oficial do Blogspot, não haveria abertura para debater directamente com a equipa que desenvolve a plataforma :)

    Vamos ter de concordar em discordar, no que diz respeito à importação/exportação na medida em que eu penso que se trata duma responsabilidade de ambas as plataformas.

    Os conteúdos são dos utilizadores, nisso penso que todos concordamos, o utilizador decide abandonar uma plataforma, o SAPO (suponhamos), a plataforma que vai ser abandonada, tem de garantir que o ficheiro com os conteúdos do utilizador fica na posse do utilizador, num formato standard. O SAPO faz isso. A plataforma que vai acolher os conteúdos, neste caso, o Blogspot, tem de garantir que a sua ferramenta de importação é compatível com os standards.

    Quando, no SAPO, desenvolvemos a ferramenta de importação, certificámo-nos de que era uma ferramenta compatível com vários formatos, porque, como "receptáculos" de conteúdos dos nossos utilizadores, tínhamos de lhes facilitar a vida. O Blogspot é que adopta a postura que está a descrever como "amanhem-se".

    Seja como for, estou convicta de que a equipa dos Blogs continuará a trabalhar para que a experiência de utilização dos Blogs do SAPO seja cada vez melhor.
  • Imagem de perfil

    kumkaneco

    09.09.11

    Lamentavelmente não compreendeu o que eu escrevi, mas também não quero estar a transformar isto numa questão pessoal.


    Só lhe digo uma coisa. Faça o teste de transferir um blog da blogspot para o Sapo e vice-versa e depois comente.


    Se não o quiser fazer, eu tenho Print Screens que demonstram o que escrevi anteriormente e que terei todo o gosto em partilhar.
    Quem me dera a mim que não fosse assim. Não estaria aqui a perder o meu tempo com algo aparentemente tão simples!


    Obrigado e boa noite.
  • Comentar:

    Mais

    Comentar via SAPO Blogs

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.